Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

elixirdebaco

5 grandes amigos, que gostam de provar, mas sobretudo de beber vinho todos juntos. Como a vida os afastou (geograficamente), o vinho acabou por os juntar. E o vinho, torna-se sempre melhor quando é partilhado!

3230

por Rui Sousa, em 18.05.20

3230 dias sem escrever sobre vinhos, 3230 dias sem qualquer preocupação em apontar, tirar notas sobre "aquele" vinho, e eis que a quarentena associada a uns amigos que gostam de vinho e sobretudo de socializar com o vinho, levaram-me de volta ao elixirdebaco.

3230 dias, é muito tempo! Nestes anos, vimos tanta evolução tecnologica que mudou a forma como podemos conhecer os vinhos. As redes sociais, os diversos sites e aplicações sobre o precioso néctar, vieram enriquecer a informação disponível, mas também dispersá-la. Confirmei que a maioria dos enoblogs que conhecia, estão parados, com excepção do Copo de 3. Que bom, encontrar alguém persistente que continua a realizar um excelente trabalho, bem haja.

E estou de volta!! Sem expectativas de grandes mudanças, apenas escrever o que sinto quando bebo um vinho, de preferência com os amigos. E por falar em amigos, já foi lançado o desafio de participarem activamente aqui no EdB com as suas provas. Até já...

Vamos andando...

por Rui Sousa, em 12.07.11

Mais uma temporada longe do blog (semelhante a temporada futebolística!!!), mas não longe dos vinhos, isso não!!! Mas com vinho "próprio" o "vicio" das provas com os amigos, ficou mais calmo... Uma vez por outra lá chega um vinhito para beber sempre numa refeição, quase sempre à pressa, sem copos apropriados, mas com bons petiscos pela frente!!! Perdi na "bubida" ganhei no prato!!! E por estas bandas come-se muito bem e barato... E foi esta modificação de hábitos que me fez pensar, que realmente onde o vinho está mais presente na nossa mesa, é na mesa de jantar, e não na mesa do Wine bar, ou do Café mais famoso ou menos famoso.. E o que queremos beber com o bom prato?!?! Um vinho que esteja lado a lado? Um vinho que não se nota mas está presente (tipo nº6 do futebol) ou ainda aquele que faz por se notar e evidenciar mais do que o prato que estamos a apreciar?!? 90% das vezes dou de caras com um vinho calminho que não tem muito por oferecer, mas o que tem, serve perfeitamente pro momento! E nos blogs ninguém fala (quase ninguém, o Copo de 3, prima-nos pela diversidade) desses vinhos, mas eles existem, são vendidos e são consumidos... mas são grandes vinhos? não!! claro que não!!! mas são bons vinhos, muitos deles baratos (boas compras da Revistas do mundo vinícola) e consomem muitas horas de trabalho, para quem os produziu, pensou, vinificou e estaremos nós os ditos "enófilos" a desprezá-los?!? Penso que só nas palavras e no tempo de dedicação!!! Porque no copo eles aparecem frequentemente... "eles andem por ai!!!!" E ainda bem!!! E aqui deixo, o meu muito obrigado por existirem os vinhos bons compras e os vinhos de que ninguém fala, muito obrigado por existir os vinhos de 2, 3 e 4€!!!! Obrigado Pingo Doce, pela colheita seleccionada do Dão!!!Bem ajam, grande abraço e saudações enófilas!!!!